Offcanvas Section

You can publish whatever you want in the Offcanvas Section. It can be any module or particle.

By default, the available module positions are offcanvas-a and offcanvas-b but you can add as many module positions as you want from the Layout Manager.

You can also add the hidden-phone module class suffix to your modules so they do not appear in the Offcanvas Section when the site is loaded on a mobile device.

Pages

Recentemente, 33 servidores foram empossados para reforçarem os serviços nas unidades de saúde da capital e interior do Estado. O reforço já tem surtido efeito no dia a dia das unidades, melhorando as atividades internas e garantindo mais celeridade e qualidade no atendimento à população.

 

Unidades de saúde em Boa Vista, Caracaraí, Amajari, Rorainópolis e vila Santa Maria do Boiaçú, na região do Baixo Rio, já estão recebendo novos servidores como farmacêuticos, auxiliares de serviços de saúde e saúde bucal, enfermeiros, cirurgiões dentistas, técnicos de enfermagem e de radiologia, fisioterapeutas e assistentes administrativos.

 

A Assistência Farmacêutica por exemplo, responsável pelo abastecimento de medicamentos e material para todas as unidades do Estado, recebeu dez novos servidores. Com isso, a coordenação ganhará mais agilidade nos processos de compra e distribuição destes itens. “A contratação desses profissionais ajudou a retirar a sobrecarga de outros farmacêuticos e vai contribuir para acelerar o processo de compra e distribuição dos insumos para os hospitais do Estado”, diz Rohan Coutinho, coordenador de Assistência Farmacêutica da Sesau.

 

Além disso, unidades do interior também receberam novos profissionais. O Hospital Regional Sul Ottomar de Souza Pinto, em Rorainópolis, que funciona como um polo importante para atendimentos na região, foi contemplado com dez novos servidores.

 

Segundo Elson Alves, diretor do hospital, o aumento do quadro de funcionários irá dinamizar o atendimento à população. “As contratações aliviarão a carga dos profissionais, principalmente com os novos dois técnicos em radiologia que estamos recebendo, suprindo uma das nossas principais demandas”, enfatizou.

 

Já em Alto Alegre, um dos setores beneficiados com novos servidores é a área da medicação. Devido à escassez de profissionais nas áreas enfermagem, os pacientes tinham que esperar muito para serem medicados. No entanto, a partir de agora, com a posse de três enfermeiros, a expectativa é acabar com a fila de espera na unidade.

 

MAIS SERVIDORES - No último mês, o Governo do Estado nomeou mais de 330 servidores para reduzir o déficit de profissionais nas unidades de média e alta complexidade.  As convocações partem da lista de espera do concurso público realizado em 2013, que continua dentro do prazo de validade.

 

Pelo menos 12 unidades de saúde serão contempladas. Na capital, as principais unidades de urgência e emergência serão beneficiadas, tais como o HGR (Hospital Geral de Roraima), HMINSN (Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth), PACS (Pronto Atendimento Cosme e Silva). Ainda na capital, as convocações beneficiarão unidades especializadas como o CRSM (Centro de Referência da Saúde da Mulher), Nerf (Núcleo Estadual de Reabilitação Física), CEO (Centro de Especialidades Odontológicas), além da Rede Cidadania.

 

No Interior do Estado, serão enviados novos servidores para as duas unidades de saúde no município de Alto Alegre (sede e Comunidade da Barata), Pacaraima, Caracaraí, São João da Baliza, Cantá, Amajari e Normandia.

A Sesau (Secretaria Estadual de Saúde) quer tornar o atendimento cada vez mais acolhedor nas principais unidades hospitalares do Estado. Para isso, foi lançado um plano de ação para sensibilizar os servidores para um atendimento mais humanizado.

 

As ações já contemplaram 421 colaboradores do HGR (Hospital Geral de Roraima Rubens de Sousa Bento) e da CECM (Clínica Especializada Coronel Mota). Outras duas unidades de saúde também receberão as palestras.

 

Por ser o principal hospital do Estado, o HGR foi a primeira unidade a receber a capacitação. Foram 344 profissionais envolvidos, entre enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem.

 

A coordenadora de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde, Consolata Alves, explicou que esta é uma formação não-obrigatória, com duração de oito horas e abrange todas os profissionais da área de saúde.

 

“Embora o treinamento seja aberto a todos os profissionais, nosso público-alvo são os profissionais de enfermagem das unidades de saúde, que permanecem maior tempo em contato com o paciente”, explicou.

 

A psicóloga do HGR e ministrante do curso, Cristina Silva, ressaltou que o Ministério da Saúde possui a PNH (Política Nacional de Humanização) e é com base nesta orientação que a Sesau vem trabalhando para sensibilizar os funcionários para humanizar o atendimento.

 

“O nosso objetivo é introduzir e fortalecer as atitudes de atendimento humanizado dentro das unidades de saúde, para melhorar a assistência aos usuários”, explica.

 

As próximas unidades do Estado a receberem a formação serão o HMINSN (Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth), PACS (Pronto Atendimento Cosme e Silva) e Hospital Regional Sul Ottomar de Sousa Pinto.

 

Os funcionários interessados na formação devem se inscrever na própria unidade de saúde onde prestam serviço.

 

O processo de humanização nos atendimentos não é realizada numa ação isolada, devendo ser adotada como um processo contínuo. Desta forma, a Sesau pretende promover, posteriormente, cursos mais específicos de 40 horas, por meio da ETSus (Escola Técnica de Saúde do Sistema Único de Saúde) para aprofundar e melhorar as práticas de atendimento humanizado.

 

INVESTIMENTO NOS PROFISSIONAIS - Para melhorar o atendimento nos hospitais, o Governo do Estado investe também na melhoria do espaço físico e na valorização dos funcionários.

 

Para aliviar o déficit de profissionais em função do aumento na demanda, o Governo do Estado convocou recentemente mais de 300 novos servidores, o que vai significar um acréscimo de quase 20% em recursos humanos.

 

Além disso, a Sesau deu andamento às progressões funcionais dos servidores da Saúde, o que não era realizado há mais de 12 anos; iniciou o pagamento do retroativo das progressões funcionais a profissionais que tinham direito desde maio de 2008 e ampliou a GAE (Gratificação de Assistência Específica), antes restrita aos profissionais da assistência nos centros cirúrgicos, UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) e Trauma, passando agora a atender profissionais que atuam nos blocos, que passaram a contar com um acréscimo de 12% nos salário.

 

Aliado a isso, a Sesau investe em capacitações e cursos de formação, que garantem a melhoria na assistência à população nos hospitais e unidades de saúde do Estado.

Na manhã desta quarta-feira, 1º, o presidente do Iteraima (Instituto de Terras e Colonização de Roraima), Alysson Macedo, deu posse a três novos servidores para o quadro efetivo do Instituto. Esta é a segunda convocação este ano. O concurso ocorreu em 2013, com previsão de 115 vagas e teve a validade prorrogada até dezembro deste ano.

 

Alysson Macedo destacou a importância dos novos servidores no quadro técnico do Iteraima, neste momento em que o Estado iniciou o programa Título Legal, que tem o objetivo de regularizar todas as áreas de propriedade do Estado.

 

“Isso é o reflexo do compromisso que a governadora Suely Campos assumiu logo no início do mandato. Ela deu carta branca para reforçar o Instituto, face à missão grandiosa que nós temos que é levar o programa de regularização fundiária Título Legal para os quatro cantos do Estado”, afirmou o presidente.

 

Macedo destacou que quanto mais qualificada a mão-de-obra, maior a qualidade nos serviços prestados à população que busca o atendimento no Iteraima.

 

O engenheiro agrônomo Ytallo Guilarducci falou das expectativas no trabalho e regularização fundiária no Estado. “Eu me sinto muito honrado de estar tomando posse nesse momento, sabendo que a questão fundiária é um dos pilares do desenvolvimento do Estado, e é muito bom saber que eu vou poder contribuir com esse desenvolvimento”.

 

A técnica em imobiliária Igara Consolata Bezerra disse que esperava há muito tempo por este momento em que irá tomar posse como servidora efetiva. “Para mim é uma conquista, até porque eu estava esperando muito por esse momento, para fazer parte dessa família que é o Iteraima, e espero contribuir na minha área, estou aqui para somar”, disse Igara.

 

Nesta convocação, foram chamados 15 candidatos das vagas remanescentes de outras convocações. Além destes três, o Iteraima espera receber mais servidores, uma vez que a lei estabelece um prazo de até 30 dias para a posse após a nomeação. O prazo para a posse encerra no dia 09 deste mês.

 

Ao todo, o Instituto já convocou 168 candidatos. Conforme o presidente do Iteraima, até o fim do ano, deverá haver mais convocações.

 

“Nós já fizemos sucessivas chamadas, e até o fim do ano, que é a validade do concurso, nós chamaremos os classificados dentro do número de vagas ofertadas no edital, com esse compromisso de reforçar o Iteraima para prestar o melhor serviço neste grandioso programa de regularização fundiária”, afirmou Macedo.

 

Repórter: | Edição: SECOM RR | Foto: Fernando Oliveira